Pages

QUEM PRECISA DE PASTOR É OVELHA, DIZ DANIELA MERCURY

Quem precisa de pastor é ovelha, diz Daniela Mercury
A cantora reclamou de programas religiosos e da lei que oferece isenção de impostos para templos religiosos. Daniela Mercury resolveu desabafar no Twitter criticando evangélicos e a participação de pastores em programas de TV. Na conversa com seus seguidores a cantora baiana teceu diversas críticas aos cristãos lembrando da inquisição e da colonização dos Portugueses, que trouxeram o catolicismo para o Brasil.

A mensagem que mais chamou atenção atingiu diretamente os evangélicos quando ela escreveu que “quem precisa de pastores são ovelhas”. Daniela que recentemente se assumiu como homossexual disse que o país precisa de mais professores e educação.
“Porque os seres humanos inventam tantas separações para seres iguais? Porque buscam maneiras de se valorizar mais que os outros?”, questionou. “Todo mundo tem o direito a ter sua religião. Deus é amor e Jesus nunca se achou melhor que ninguém.”
Como não poderia deixar de ser, a cantora criticou o dinheiro ofertado nas igrejas e questionou a lei que impede que templos religiosos paguem impostos. “A gente está precisando se responsabilizar pela vida na terra, reza-se muito e se faz pouco pela paz aqui. Deus não quer dinheiro de ninguém”, escreveu.
Em outra mensagem ela pergunta: “Se crenças e religiões fazem parte da cultura de um povo, por que os artistas e produtores culturais pagam tantos impostos e as igrejas não??” A interprete de “O canto da cidade” não acredita que o cristianismo tenha que reger a moral da sociedade e diz que no Brasil a convivência social é regida pela Constituição e pela Declaração Universal dos Direitos Humanos.
Televangelistas também foram criticados pela cantora que tentando defender o estado laico, criticou o espaço dado a religiosos na TV brasileira. “Vivemos num país laico. O Brasil não optou por nenhuma religião. Então por que tanta evangelização na televisão e no rádio? Isso está errado!”

Este artigo é: