Pages

CIENTISTA É DEMITIDO DE UNIVERSIDADE CATÓLICA POR ACREDITAR EM CURA DIVINA

Cientista é demitido de universidade católica por acreditar em cura divina
O funcionário postou em seu site pessoal vídeos com testemunhos de pessoas curadas pelo poder de Deus. Uma universidade na Bélgica resolveu demitir um cientista que confessou acreditar que Deus pode curar. A instituição em questão é a Universidade Católica de Leuven, que desfez o contrato com Fernando Pauwels.

Segundo informações da CBN, o cientista teria postado em seu site pessoal vídeos que mostravam curas milagrosas mediante o poder de Deus, as pessoas curadas apareciam nos clipes relatando como tudo aconteceu, incomodando a diretoria da instituição de ensino.
A Universidade, uma das mais antigas do país, não estava de acordo com esses vídeos e resolveu demitir Fernando que trabalhou ali por 11 anos. “A Universidade viu alguns desses clipes de pessoas sendo curadas e dando seus testemunhos e os chamaram de ‘anticientíficos’”, disse o homem demitido.
Os próprios funcionários da faculdade não concordaram com a demissão, dizendo que ferem os direitos de liberdade de religião. Ao falar sobre o fim do contrato, o ex-funcionário diz que não teria problemas em aceitar o emprego de volta.
Pauwels trabalhava no Instituto de Pesquisa para o Trabalho Social e não tinha nenhum tipo de problema com seus colegas de trabalho ou com os diretores da universidade.

Este artigo é: