Pages

JESUS ESTÁ MESMO VOLTANDO?

Um dos principais temas do evangelho, ou seja, da Bíblia sagrada é à volta do Senhor Jesus. Temos que anunciar a todas as pessoas que isto é real, não porque somos fanáticos e acreditamos em uma fantasia, mas sim porque o próprio Cristo assegurou que voltaria mais uma vez para buscar a sua igreja. 

Isso é o que a Bíblia chama de arrebatamento. O arrebatamento foi predito pelos apóstolos e pelo mestre Jesus quando preveniu sobre vários acontecimentos que viriam sobre a humanidade nos dias finais, confira nos versículos á baixo:


Evangelho de Mateus - capitulo 24


3 E estando ele sentado no Monte das Oliveiras, chegaram-se a ele os seus discípulos em particular, dizendo: Declara-nos quando serão essas coisas, e que sinal haverá da tua vinda e do fim do mundo. 4 Respondeu-lhes Jesus: Acautelai-vos, que ninguém vos engane. 5 Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; a muitos enganarão. 6 E ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; olhai não vos perturbeis; porque forçoso é que assim aconteça; mas ainda não é o fim. 7 Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino; e haverá fomes e terremotos em vários lugares. 8 Mas todas essas coisas são o princípio das dores. 9 Então sereis entregues à tortura, e vos matarão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. 10 Nesse tempo muitos hão de se escandalizar, e trair-se uns aos outros, e mutuamente se odiarão. 11 Igualmente hão de surgir muitos falsos profetas, e enganarão a muitos; 12 e, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará. 13 Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo.


Podemos notar que Jesus através das palavras acima citadas nos deu uma perfeita noção dos dias da sua vinda. Se tomarmos por base apenas este pequeno texto que foi escrito a quase dois mil anos atrás, podemos afirmar que de fato Ele estava falando sobre os dias em que vivemos, pois esta geração em que vivemos tem visto todos estes sinais e acontecimentos de uma forma que em nenhuma outra época tenha se contemplado acontecimentos semelhantes. 

A primeira coisa que Cristo falou neste sermão foi que apareceriam muitos que viriam em seu nome e diriam que eram o cristo e enganariam a muitos. Quando analisamos a palavra “cristo” e o seu significado, podemos aplica-la não somente a Jesus, pois cristo quer dizer “ungido com o óleo sagrado”, logo Jesus pode ter falado sobre o aparecimento de muitos homens ou religiões que se dizem verdadeiras mais estão levando o homem para o inferno. 

Se Jesus tivesse usado esta palavra afirmando que viriam muitos que se diziam ser “Jesus Cristo” também se encaixaria com nossos dias, pois muitas pessoas têm se levantado e tem dito que são o cristo que haveria de vir e tem arrastado multidões para o engano. Logo podemos afirmar que nossos dias se encaixam perfeitamente com os dias da volta de Jesus e o fim dos tempos.





Outro ponto importante falado por Jesus neste sermão profético foi sobre guerras e rumores de guerras. Se formos fazer um levantamento histórico de todas as guerras que ocorreram durante todos os registros da humanidade, vamos descobrir que nenhuma outra geração superou a nossa em relação a grandes guerras, não estou falando de pequenas guerras tribais, estou falando de guerras terríveis como a segunda guerra mundial e vários outros conflitos que vem acontecendo a partir de então, pois após a segunda guerra mundial.

Podemos afirmar que o mundo nunca mais encontrou paz, mas tem passado por conflitos constantes e quase que todos os dias temos visto nos noticiários que milhares morreram em  guerrilhas e que nações tem se levantado contra outras nações, para brigar por territórios ou riquezas naturais, ou simplesmente por ódio desenfreado. Até mesmo crianças tem vivido esta realidade profetizada por Cristo.

Nosso mundo tem chegado ao cúmulo da intolerância!
Cristo também falou sobre fomes e terremotos em vários lugares. Gostaria de acrescentar a este texto mais uma porção dos testos bíblicos que dizem algo sobre este assunto:


Evangelho de Lucas - capitulo 21 


25 E haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas; e sobre a terra haverá angústia das nações em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas. 26 os homens desfalecerão de terror, e pela expectação das coisas que sobrevirão ao mundo; porquanto os poderes do céu serão abalados.

Estas palavras parecem descrever claramente o que o mundo tem vivido nestes últimos anos não é verdade? Parece até que Cristo estava falando dos acontecimentos que estamos vendo diariamente nos jornais e nos meios de comunicação. 


Se estas palavras não tivessem sido escritas a quase dois mil anos atrás eu diria que Jesus estava falando de milhares de pessoas que morreram pela fúria das ondas de um Tsunâmi que devastou vários paises africanos e parte da Índia, que ceifou vidas humanas e quase varreu muitos países do mapa global. 

É comprovado cientificamente e estatisticamente que somos a geração que mais está contemplando acontecimentos espetaculares como terremotos, pestes, sinais nos céus e outros fenômenos do gênero, mas mesmo assim o homem não consegue enxergar que isto nada mais é que o cumprimento das palavras de Jesus.


http://desfocado.blogsome.com/images/1_01.jpg

Mulher chora por parentes mortos pelo Tsunami


Lucas - capitulo 21


31 Assim também vós, quando virdes acontecerem estas coisas, sabei que o reino de Deus está próximo. 32 Em verdade vos digo que não passará esta geração até que tudo isso se cumpra. 33 Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras jamais passarão. 34 Olhai por vós mesmos; não aconteça que os vossos corações se carreguem de glutonaria, de embriaguez, e dos cuidados da vida, e aquele dia vos sobrevenha de improviso como um laço. 35 Porque há de vir sobre todos os que habitam na face da terra.


O Senhor Jesus Cristo anunciou para seus discípulos que estes sinais seriam o principio do fim e indicaria a sua vinda para buscar sua igreja. Temos que entender que à volta de Jesus é algo inevitável e que o reino de Deus está próximo e não existe como escapar deste acontecimento que abalará o mundo inteiro. 

Apesar de não sabermos ao certo quando sua volta irá acontecer, mesmo assim temos um tipo de mapa deixado por Jesus através destes textos acima citados, sabemos que somos uma geração que cumpre todos os requisitos para sermos a geração dos tempos do fim e da volta do Rei Jesus. 

O Senhor falou que não passaria esta geração sem que tudo se cumprisse. De que geração Jesus estava falando? Ora Ele estava falando da geração em que todos estes sinais estivessem se cumprindo, e nos alertou para que estivéssemos atentos para isto não nos pegar de surpresa.


Sabei, porém, isto: se o dono da casa soubesse a que hora havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Estai vós também apercebidos; porque, numa hora em que não penseis, virá o Filho do homem. (Lucas 12.39, 40).

Cristo usou expressões como a vinda de um ladrão para explicar como seria a sua volta, para mostrar que seria numa hora em que o mundo não estivesse mais lembrando que um dia Ele iria voltar. Temos exatamente este clima nos nossos dias. Deixamos a seguir dois textos que nos asseguram que Jesus irá voltar.


Tendo ele dito estas coisas, foi levado para cima, enquanto eles olhavam, e uma nuvem o recebeu, ocultando-o a seus olhos. Estando eles com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles apareceram dois varões vestidos de branco, os quais lhes disseram: Varões galileus, por que ficais aí olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi elevado para o céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir. (Atos. 1.9, 10, 11).


Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar. E, se eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos tomarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. (João 14.1, 2, 3).

Este artigo é: