Pages

MISSÃO E O RETORNO DE CRISTO

Missão e o retorno de Cristo

“Porque,assim como o relâmpago que sai do oriente e se mostra no ocidente,assim será também a vinda do Filho do Homem.” – (Mt24:27)
“Ide ,portanto,fazei discípulos de todas as nações,batizando-os em nome do Pai,e do Filho e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as cousas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias até a consumação dos séculos. (Mt.28:19,20); Is.49:6b: Mt.25:31,32; Hb.9:27; Dn.9:27; II Pd.3:7


As referências acima revelam a trajetória dos últimos precedentes ao retorno do Senhor Jesus Cristo, quando julgará nações e haverá de estabelecer o seu reino milenar. Revelam dados antes do rapto da Igreja do Senhor; um despertar da consciência espiritual de cada salvo para não ser envergonhado,quando a vinda do Senhor ocorrer. O arrebatamento da Igreja e,na sequência ,a Segunda Vinda de Jesus,sejam hoje talvez, os momentos mais esperados e comentados por milhares de cristãos em todo o mundo. 

Jesus irá, com sua vinda,estabelecer o seu reino visível aqui na terra. Os apóstolos tiveram certa dificuldade em aprender certas mensagens de jesus, concernentes ao estabelecimento do seu reino, como, por exemplo, a colocação de que a sua partida era semelhante a “um homem ausentando-se do seu país e regressando depois de muito tempo”, porque o desejo do coração deles era que o reino fosse implantado já, de imediato, livrando assim os judeus do jugo dos romanos.


Uma análise mais profunda das Escrituras vai nos revelar, além das informações do Antigo Testamento, que Jesus deixou muitas informações sobre a sua vinda em glória, os apóstolos também falaram, posteriormente, sobre este evento:(Mc.13:32; I Ts 4:13-18:II Ts.2:1-6:I Tm 4:1-3; II Tm 3:1-9:4:3,4).
A Segunda Vinda de Jesus põe a Igreja em alerta, pois a ela compete um importante papel na evangelização e, depois disto, será elevada ás alturas, ao encontro com o Senhor nos ares, como noiva, para o casamento real estando, posteriormente, como esposa, sempre e eternamente. Este advento(parousia) fala não somente de evangelização, mas de santificação e preparo.


Há um alerta em Mt.25:41 para os que ficarem, na possibilidade de ainda herdar o reino. Entretanto, para os que estão aguardando a Sua vinda (arrebatamento), a proximidade desta fala de um alerta constante, como a passagem das virgens prudentes e das loucas (Mt.25:1-12). ”Vigiai,pois porque não sabeis o dia e nem a hora”, Mt25:13).


A grande ceifa: Jesus, ao desafiar seus discípulos, empregou o termo “ceifa” (Jo.4:35-38) (Mt.9:37-38). O campo é o mundo. Ele destacou que “os campos estão brancos para a ceifa”. Muitos têm um visão distorcida do Evangelho. Vêem o Evangelho transformando comunidades, endireitando a política, acabando com as guerras, melhorando a condição econômica do país, criando um mundo de paz, como se o paraíso fosse a terra, nesta geração. Jesus previu situações dramáticas para a nossa geração: ”Não passará esta geração sem que tudo isto aconteça…”,Mt 24:34.
Ele previu guerras, rumores de guerras, terremotos em vários lugares, fome, peste, uns traindo os outros, violências, mortes… E isto está ocorrendo em nossa geração. O mundo não vai se converter á Cristo, mas, algumas pessoas do mundo. ”Não tivessem aqueles dias sido abreviados e ninguém se salvaria; mas por causa dos escolhidos, tais dias serão abreviados”,Mt.24:22.

O mal cresce á cada dia) II Tm 3:1-5. Vivemos, atualmente, num mundo corrupto e hediondo. Se o termo “ceifa” significa um mundo “branco”, no sentido de preparado para a colheita, então, temos ainda que trabalhar bastante. Porém, os fatos nos falam de uma vinda iminente. Entretanto, podemos entender que Jesus usou o termo “ceifa” para destacar o início de imediato para a colheita.

Esta é uma palavra de despertamento sobre missões; mas, certamente reiniciamos em nós um avivamento espiritual, que virá somente quando levarmos esta questão com maior seriedade espiritual. Um avivamento mundial somente terá sentido quando nos envolvermos, de corpo e alma na questão evangelística e missionária.



Para nós, a eternidade está próxima; o que nos interessa sera a nossa salvação e os frutos da obra de Deus conquistados por cada um dos remidos.

O alerta do Livro de Atos fica patente para os nossos corações: ”Tendo eles partido, pregaram o Evangelho em toda  parte”.


“Ao vencedor dar-lhe-ei que se alimente da árvore da vida que se encontra no paraíso de Deus… O vencedor será vestido de vestes brancas e de modo nenhum apagarei seu nome do livro da vida…  Ao vencedor dar-lhe-ei que se assente comigo… Amém!
Por Cristo e pela obra missionária;
Pr.Clodoaldo Pereira

Este artigo é: