Pages

O MEGA RITUAL DE 2009 DA MTV - VMA

vma_2009_logo_www_tabernaculonet_com_br.jpg

O Video Music Awards (VMA) da MTV muitas vezes incorporaram atos obscuros e estranhos, contendo algum simbolismo ocultista. A versão deste ano [2009], porém, se superou. O show deixou a maioria das pessoas se perguntando o que havia de errado com Kanye West ou tentando calcular a loucura da performance de Lady Gaga.

A única maneira de compreender o pleno significado por trás dessas performances é olhar em ensinamentos esotéricos. O fato é que o show da premiação levou os rituais mais comuns de ordens ocultistas e redecretou-os em um show presenciado por todo o mundo.



Este ano [2009], o VMA foi muito diferente das outras premiações. Eles se concentraram em um número muito limitado de artistas (Beyonce, Taylor Swift, Lady Gaga), ignorando muitos outros que também foram bem sucedidos. Os artistas ”escolhidos” se tornaram personagens na cerimônia do VMA e encenaram dramas rituais diferentes. Isso pode soar totalmente louco para o telespectador da MTV, mas aqueles familiarizados com as práticas de ordens ocultistas (como a Maçonaria) podem decodificar as referências a rituais “sagrados”. Existem numerosos tipos de fraternidades e rituais, a partir do mais nobre ao mais infernal, e eles têm existido ao longo da História. O VMA foi decisivamente inspirado pela escuridão e por cerimônias sinistras e até mesmo satânicas. Vamos ver estes rituais.

As “palavras de sabedoria” da Alta Sacerdotisa

vma_2009_madonna_01_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Madonna, a Alta Sacerdotisa da indústria da música, a reverenciada “anciã” da MTV, abre o show com um elogio muito solene para Michael Jackson. Ela admitiu nunca realmente conhecer ou “conectar” com ele, mas ela ainda assim foi escolhida para dar-lhe tributo. Madonna é uma conhecida adepta da Kaballah, a escola esotérica do judaísmo que é estudada em muitas ordens ocultistas. Rabbi Ariel Bar Tzadok explicou como ela usa o (ou abusa do) simbolismo da Kaballah em sua música:
“Descobri que a fama de Madonna brincar com misticismo judaico sagrado tomou um rumo interessante. Em seu vídeo mais recente para a música tema de um novo filme de James Bond, a ‘material girl’ [garota material] de antigamente está se transformando em uma ‘Kabbalah girl’ [garota Cabala]. Além da tradicional mistura de Madonna de música e sensualidade, neste vídeo vemos que Madonna tem um Nome Santo de D’us tatuado no ombro direito. Tatuagem, lembre-se, é uma prática proibida pela Lei da Torá, ainda mais abominável para a Cabala. Talvez a tatuagem não seja real ou apenas temporária, mas ainda assim, qualquer expressão de realizar um ato proibido em si é proibida e indesculpável. Infelizmente, o abuso de Madonna da Cabala e do judaísmo tradicional não para por aqui.
Mais adiante no vídeo vemos Madonna com tiras de couro que rodeiam seu braço esquerdo no mesmo e exato formato e estilo do santo tefilin, que são usados ​​por homens judeus religiosos. Tefilin [ou filactério] consiste em uma pequena caixa de couro contendo pergaminhos de temor. Estes são, então, amarrados ao bíceps esquerdo, e a correia é presa abaixo do braço esquerdo e em torno da mão. Talvez Madonna não iria tão longe para difamar as caixas de tefilin em si. No entanto, é bastante claro que o formato das tiras em torno de seu braço é feita em estilo ortodoxo da Torah. Este ato dela é puro sacrilégio”.

Rabbi Ariel Bar Tzadok, Cabala de Madonna - Não Kosher

A homenagem de Madonna foi focada no fato de que MJ era “sobrenatural” e “um rei”, mas ela insistiu no fato de que ele também era um ser humano. Foi uma sabedoria que só poderia ser transmitida pela Alta Sacerdotisa. Membros da platéia curvaram a cabeça e meditaram sobre as palavras dela. Eles tinham uma profunda ressonância Cabalística. O discurso foi seguido por uma homenagem em vídeo a Jackson, começando estranhamente com ‘Thriller’ e mostrando o rosto de MJ como um zumbi em decomposição, ressuscitado dentre os mortos, em uma tela enorme. Em seguida, ouvimos os versos de Price [Vincent Price] na canção dizendo:
A escuridão cai sobre a terra
A hora da meia-noite está próxima
Criaturas rastejam em busca de sangue
Para aterrorizar toda sua vizinhança
E todo aquele que for achado
Sem uma alma para oferecer
Deve permanecer e enfrentar os caçadores do inferno
E apodrecer dentro de um cadáver

O abominável mau cheiro está no ar
O pavor de quarenta mil anos
E zumbis grisalhos de cada túmulo
Estão se aproximando para selar seu destino
E apesar de você lutar para sobreviver
Seu corpo começa a sentir calafrios
Pois nenhum mero mortal pode resistir
O mal do terror

(Dois últimos versos da letra da música Thriller)

É conveniente que o maior sucesso de MJ tenha sido incluído em sua homenagem, mas essa me pareceu uma forma bastante horrível para iniciar uma homenagem póstuma. Alguém, em algum lugar fez algumas escolhas estranhas, mas isso de alguma forma se ajustou à ”vibe” do resto do show.

A iniciação de Taylor Swift

vma_2009_taylor_swift_01_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Taylor Swift ganhou o prêmio ”Best Female Video” e subiu ao palco para dar seus agradecimentos. Kanye West aparece do nada, tomando o microfone da mão dela, e informa que Beyonce tem “um dos melhores vídeos de todos os tempos”. Esta cena causou muita polêmica e Kanye ganhou o título de “Babaca do ano”, mais a honra de ser chamado de “asno” pelo presidente dos Estados Unidos. Eu poderia chocar algumas pessoas dizendo isso… Mas este evento “inesperado”… Foi encenado! Eu já disse isso. Alguma vez você assistiu a uma porcaria de reality show e teve a sensação de que a coisa toda estava no roteiro? 

Bem, eu tenho uma sobrecarga desse sentimento enquanto assisto a esta cena. Nenhuma das pessoas envolvidas são bons atores (nem mesmo Beyonce fazendo a sua cara de “eu não posso acreditar que isso está acontecendo”). Além disso, tenho seguido a carreira de Kanye desde seu começo e tenho mantido um fato importante sobre ele: a única coisa que se preocupa com Kanye West, é Kanye West. Então, se ele tinha que dar um chilique sobre algo, haveria de ter sido sobre ele não ser premiado. Não Beyonce. Ele.

Esta cena é de fato a iniciação de Taylor Swift no que eu chamo de “O círculo de artistas escolhidos”. A aluna é humilhada na frente de seus colegas e disse não é digna de estar no mesmo palco que Beyoncé, a rainha da cerimônia. Quase todos os grupos, fraternidades e gangues realizam um processo de iniciação para testar o caráter, a força e o valor do recruta. A provação de Swift foi ter Kanye arruinado seu primeiro prêmio e ser informada que ela não merecia este reconhecimento. O rapper é conhecido por fazer “palhaçadas” [mau sentido] durante premiações, então ele era o candidato perfeito para fazer tudo parecer “inesperado”.

A oração

vma_2009_jack_black_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Jack Black aparece vestido como um cara de heavy metal em esteróides para promover um videogame. A certa altura ele pede ao público para colocar seus chifres do diabo no ar para orar ao “Darklord Satan”[Satanás, Senhor das Trevas]. A coisa toda é calma e cômica, mas eu não vejo outra forma de uma oração a Satanás ser inserida em um programa de horário nobre sem receber um caminhão de reclamações de pais preocupados. A cena começa semi-engraçada, mas Jack Black termina com uma nota mais séria, dizendo: “Peço-vos conceder indicados desta noite com o sucesso contínuo na indústria da música”. Esta última frase realmente revela uma verdade sombria sobre o negócio do entretenimento.

Assim, o resultado líquido dessa cena é a seguinte: todo mundo jogou pra cima seus sinais de mão “chifres do diabo”, em seguida, tomaram as mãos uns dos outros e oraram a Satanás. Este pedaço de comédia pré-ensaiada poderia ter sido uma sátira insignificante em outro programa. Mas no contexto deste, com suas recriações de muitos dos rituais de Ocultismo, a sátira assume um significado de todo sinistro.

O sacrifício de sangue

vma_2009_lady_gaga_ensanguentada_www_tabernaculonet_com_br.jpg

A performance de Lady Gaga foi aclamada como “brilhante” por muitos fãs de música. Se você, no entanto, perguntar-lhes o que ela simboliza, passam a expressar dúvida. Aqui está o que Gaga disse sobre sua performance durante uma entrevista em gagadaily.com:
“Você acha que será um daqueles momentos decisivos que pessoas vão se lembrar no VMA?”


“Eu sei que vai. Eu meio que tenho essa filosofia sobre as coisas: nunca há uma razão para fazer algo a não ser que vá ser memorável, a não ser que vá mudar as coisas, a menos que ela vá inspirar um movimento. Com a música e com a performance, espero dizer algo muito grave sobre a fama e o preço da mesma”.

“Algo grave? O quê?”
“Você vai ter que ver”.

“O que você vai vestir?”
“Eu diria que o figurino para a performance é uma representação dos mais estóicos e memoráveis mártires da fama na história. É destinado a ser uma imagem icônica que representa as pessoas. Eu acho que depois de assistir a performance e talvez estudá-la depois de vê-la no YouTube, você verá as referências e os símbolos através dela”.

O cenário para a performance é muito simbólico. Gaga se apresenta em um templo ou talvez uma mansão aristocrática, cheia de colunas, lustres e pinturas. Rituais de Ocultismo, experimentos de controle mental e até mesmo sacrifícios humanos têm supostamente ocorrido nesses tipos de cenário. Um recurso que eu não posso ignorar é a presença de dois pilares enormes sob um arco.

vma_2009_performance_lady_gaga_01_www_tabernaculonet_com_br.jpg

São símbolos maçônicos inconfundíveis, como descrito nesta litografia:

vma_2009_painel_simbolos_maconicos_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Esta referência óbvia à Maçonaria aponta para o aspecto ocultista e ritualístico da performance de Gaga. Maçons são conhecidos por realizar encenações ritualísticas em suas lojas; encenações ativas de histórias alegóricas. Desempenho Gaga simboliza a sua ascensão à fama e o sacrifício que ela teve que fazer para ter sucesso.

Quando a Gaga ensanguentada é levantada ao ar, uma estranha luz sai de entre os pilares e os dançarinos levantam os braços em louvor. Muitas religiões antigas realizaram sacrifícios rituais para agradar aos deuses. Sacrifícios de sangue também foram vistos por magos da Magia Negra como a melhor forma de coletar a “energia espiritual”. A cena final do desempenho transmite a presença desta “força” misteriosa depois de um sacrifício.

vma_2009_decoracao_do_cenario_de_lady_gaga_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Logo após sua performance, Gaga aparece toda vestida de vermelho, com o rosto completamente coberto de vermelho. Ela é basicamente um “sacrifício de sangue andante e falante”. Ele representa a consequência da fama, a vida infernal que segue o sacrifício, a venda da alma para o sucesso na indústria da música.

vma_2009_performance_lady_gaga_02_www_tabernaculonet_com_br.jpg

A iniciação maçônica de Pink

vma_2009_performance_pink_www_tabernaculonet_com_br.jpg
Não tem como um maçom assistir a esta performance sem lembrar da sua iniciação no Primeiro Grau. Aqui está uma descrição, por Mark Stavish:
“O candidato à iniciação é despojado de todos os bens materiais e vestido com um traje estranho e peculiar (…). Isto inclui uma venda nos olhos e um comprimento de corda chamado de ‘cabo de reboque’ [tradução literal]“.
Ele continua:
“A venda utilizada representa o sigilo, a escuridão e a ignorância, bem como a confiança. O candidato é levado para a sala da loja para iniciação, mas não é capaz de ver o que está acontecendo. Ele está preso na altura da cintura e do braço com o ‘cabo de reboque’ [tradução literal]”.
- Mark Stavish, “Freemasonry: Rituals, Symbols and History of the Secret Society”

vma_2009_ritual_maconico_pink_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Pink é vendada e amarrada com cordas. Seu traje expõe seu seio esquerdo, como acontece com a iniciação maçônica. Em vez de ter sua perna esquerda exposta, o traje de Pink tem desenhos de diamantes, lembrando muito os pisos em lojas maçônicas.

vma_2009_eastern_star_lodge_www_tabernaculonet_com_br.jpg

A performance de Pink foi uma exibição de acrobacia vertiginosa que, sem dúvida, a deixou (e os telespectadores) totalmente desorientada. Esta é também uma característica da iniciação do Primeiro Grau da Maçonaria:
“Ele então, de olhos vendados, tem um cabo com um laço passado em volta do pescoço. Neste ponto, o novato está entrando no estágio marginal, junto com provações; ele não pode ver, seu senso de direção foi confundido e ele foi vestido como uma vítima de execução”.
- J.S. La Fontaine, “Initiation - Ritual Drama and secret knowledge across the world”
O desempenho de Pink foi uma outra referência inequívoca a dramatizações ritualísticas de ordens ocultistas.

A aceitação de Taylor Swift na Ordem

vma_2009_beyonce_e_swift_01_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Após a humilhação pública de Swift, Beyonce, a rainha da cerimônia, a chama ao palco para deixá-la “ter seu momento”. Ela aparece dos bastidores (como se estivesse esperando sua deixa) em um vestido vermelho que é muito semelhante ao de Beyonce. Um leitor notou que, no momento em que as duas cantoras se abraçam, uma frase estranha aparece na tela atrás delas dizendo “RDFO IL 40 PRO DEL ATO”. Quase certeza que significa Ilford Delta filme Pro”.
vma_2009_beyonce_e_swift_02_www_tabernaculonet_com_br.jpg

Taylor Swift sendo chamada ao palco representa o fato de que ela já foi aceita como ‘uma igual’ a Beyonce e tornou-se um dos “escolhidos”. Os vestidos combinando também transmitem essa sensação de pertencer a um novo grupo. Ela “passou no teste” - a provação de ser humilhada - e agora pode colher os frutos de ser uma confidente [insider].

Conclusão

Cerimônias de premiação como o VMA definem e cristalizam a cultura pop de uma era. Consagram os artistas escolhidos, deixando os outros habitando nas sombras do anonimato. Como mostrado acima, toda a cerimônia foi fortemente permeada pelo simbolismo ocultista, principalmente enfocando seu aspecto “iniciação”. Por que a MTV está expondo os jovens (que não sabem nada sobre Ocultismo) a tais rituais? Existe um efeito subliminar sobre os espectadores? Estamos educando a nova geração a aceitar esses símbolos como parte da cultura popular? Há definitivamente uma segunda camada de interpretação em muitos dos produtos da MTV. Decodificar os símbolos é compreender o funcionamento interno da indústria do entretenimento.

FONTE

Este artigo é: