Pages

ATENAS CIDADE ONDE PAULO PREGOU O EVANGELHO

Porto de Pireu
A maioria dos estudiosos acreditam que Paulo viajou para Atenas por barco a partir de Bereia e, portanto, é provável que ele tenha entrado na cidade através do grande porto de Pireu.

A porta foi originalmente construído no século 5 aC e ainda permanece nos nossos dias. Nos tempos antigos, Pireu ou Piraeus foi situada a 6 milhas de distancia de Atenas, tem parede longas e paralelas de 600 metros de distância.
Colina de Marte
Na visita a Atenas, Paul fez um discurso para os homens cultos da cidade no Areópago (Colina de Marte).
Colina de Marte é um local proeminente localizado 140 metros da Acrópole e nos dias de Paulo era o lugar de reunião do principal órgão de governo da cidade. Enquanto alguns acham que a presença de Paulo neste lugar indica um eventual processo judicial, esta tese deve-se sobretudo ao lugar. Não parece ser este o caso em Atos 17.
Templo de Zeus

Iniciada no século 6 aC, este templo foi finalmente concluída durante o reinado de Adriano no século 2 dC. Antíoco Epifânio da linha dos selêucidas fez muita construção no local entre 174-165 aC. Hoje 15 das colunas originais ainda estão de pé.
Coluna de Átalo
Esta colunata de duas camadas cobertas foi um presente à cidade pelo rei de Pérgamo, Átalo II (159-138 aC).
A coluna foi restaurada em 1953-56 para poder abrigar os artefatos de escavações de Atenas ao serem levadas a cabo pela Escola Americana de Estudos Clássicos. Ele serviu como um exemplo para o modelo da coluna Real em Jerusalém (agora em exposição no Museu de Israel).
Arco de Adriano
Construído inicialmente pelos atenienses em honra do imperador Adriano em 135 dC, este portão de mármore estava numa das ruas principais que liga a antiga cidade à moderna.

Uma inscrição a um dos lados diz: "Esta é Atenas, a cidade antiga de Teseu". Uma inscrição do outro lado diz: "Esta é a cidade de Adriano e não de Teseu"


Este artigo é: